Início » Hematoma subdural: entenda o que levou o ator Tony Ramos à UTI
Saúde

Hematoma subdural: entenda o que levou o ator Tony Ramos à UTI

Na última quinta-feira (16/5), o renomado ator Tony Ramos foi internado no Hospital Samaritano de Botafogo, no Rio de Janeiro. Aos 75 anos, ele precisou passar por uma cirurgia de urgência para controlar um hematoma subdural, um tipo de sangramento dentro do crânio.

O hematoma subdural ocorre quando há acúmulo de sangue em uma das membranas que revestem o cérebro. Existem dois tipos: o agudo, resultante de um impacto forte, como em acidentes de moto, e o crônico, que se desenvolve gradualmente. O hematoma crônico pode levar de um mês a 45 dias para ser detectado em exames.

O neurocirurgião Victor Hugo Espíndola, especialista em doenças cerebrovasculares, explica que esse tipo de hemorragia intracraniana pode ser causado até por impactos aparentemente insignificantes. É mais comum em idosos, especialmente em pacientes que fazem uso de medicamentos anticoagulantes ou antiagregantes, além de alcoólatras.

Os sintomas do hematoma subdural incluem dores de cabeça intensas e persistentes, perda de força em um lado do corpo, sonolência e, em casos não tratados, até mesmo coma.

O tratamento varia conforme o tamanho do hematoma: em casos menores, medicamentos e procedimentos por cateterismo costumam ser eficazes, enquanto lesões maiores exigem cirurgia emergencial para aliviar a pressão intracraniana.

source