Início » Estudo revela tempero que pode auxiliar na redução de peso e diminuir risco de diabetes
Saúde

Estudo revela tempero que pode auxiliar na redução de peso e diminuir risco de diabetes

Todos sabemos que a perda de peso envolve mudanças na dieta e aumento da atividade física. No entanto, os especialistas agora revelam que adicionar um certo tempero à sua rotina pode ser benéfico.

A canela, além de seu sabor característico, tem sido objeto de estudo científico. Ela pode aumentar o metabolismo e auxiliar na queima de calorias. Além disso, a canela já foi associada à redução do risco de diabetes, à diminuição do colesterol, ao alívio dos sintomas da doença de Alzheimer e à prevenção de doenças cardíacas e câncer.

Recentemente, um estudo publicado na revista “Metabolism” revelou o mecanismo por trás desses benefícios à saúde, abrindo caminho para uma possível “pílula de canela” para tratar várias condições.

Foto: Reprodução

Como a canela atua na perda de peso:

Estudos anteriores observaram que o óleo essencial de canela parecia impedir que ratos se tornassem obesos e desenvolvessem níveis elevados de açúcar no sangue, contribuindo para a prevenção do diabetes.

O composto principal da canela, chamado cinamaldeído, melhora a saúde metabólica atuando diretamente nas células de gordura, conhecidas como adipócitos. Essa ação estimula a termogênese, um processo que consome energia para queimar calorias.

Testes em voluntários:

A equipe de pesquisa testou adipócitos de voluntários de diferentes idades, etnias e índices de massa corporal (IMC). Quando essas células foram tratadas com cinamaldeído, houve um aumento na expressão de genes e enzimas que estimulam o metabolismo das gorduras no sangue. Além disso, observou-se um aumento nas proteínas Ucp1 e Fgf21, que regulam a termogênese.

Os adipócitos normalmente armazenam energia na forma de lipídios. Isso foi vantajoso para nossos antepassados, que tinham menos acesso a alimentos ricos em gordura e precisavam de armazenamento a longo prazo. Em tempos de escassez ou frio, os adipócitos convertiam essa energia armazenada em calor.

Com a crescente epidemia de obesidade, os pesquisadores buscam maneiras de ativar a termogênese nas células adiposas para reativar a queima de gordura. O cinamaldeído pode ser uma dessas estratégias.

No entanto, os pesquisadores enfatizam que são necessários mais estudos para determinar a melhor forma de aproveitar os benefícios da canela sem efeitos colaterais.

source