Início » Fluminense vence o Cerro Porteño e se classifica para as oitavas da Libertadores
Esportes

Fluminense vence o Cerro Porteño e se classifica para as oitavas da Libertadores

O Fluminense venceu o Cerro Porteño-PAR por 2 a 1 nesta quinta-feira (16/05), no Maracanã, e está garantido nas oitavas de final da Conmebol Libertadores. Em partida válida pela quinta rodada da fase de grupos, Marcelo e Ganso foram os responsáveis pelos gols da vitória diante de mais de 42 mil tricolores.

Com o resultado, o Tricolor chegou a 11 pontos e garantiu a classificação como líder do Grupo A com uma rodada de antecedência. Na última partida da fase de classificação, o Fluminense enfrenta o Alianza Lima no dia 29/05, às 21h, novamente em casa.

A equipe comandada por Fernando Diniz volta a campo no dia 22/05 (quarta-feira), às 19h, quando enfrenta o Sampaio Corrêa no Maracanã, pelo segundo jogo da terceira fase da Copa do Brasil. Com a vitória por 2 a 0 no jogo de ida, o Tricolor possui vantagem de dois gols na disputa pela vaga nas oitavas da competição nacional.

PRIMEIRO TEMPO

O Fluminense iniciou a partida com postura ofensiva e criou a primeira chance logo aos 4 minutos. Jhon Arias carregou a bola pela direita até o fundo e cruzou na área para Germán Cano pegar de primeira e exigir grande defesa do goleiro. Aos 6, após lançamento na área, Antonio Carlos dominou de peito e bateu de bicicleta, mas a bola explodiu em Arias. Na sobra, Cano mandou para o fundo da rede, porém o gol foi anulado por impedimento. Aos 13, Marcelo recebeu na área, driblou o marcador e bateu cruzado. A bola esbarrou caprichosamente na parte interna da trave direita e entrou, tirando o zero do placar. Aos 18, Wílder Vieira marcou para o adversário e empatou a partida.

Aos 26 minutos, Cano aproveitou sobra de bola na lateral da área e bateu firme para defesa do goleiro. Na sequência, Arias fez grande jogada pelo meio e achou Keno. O atacante tentou o chute colocado e parou no goleiro. Aos 34, o colombiano cobrou falta pela esquerda, mas a bola subiu demais. Aos 42, Guga arriscou de fora da área, Cano desviou no meio do caminho e o goleiro fez a defesa no último lance de perigo da primeira etapa.

SEGUNDO TEMPO

Aos 7 minutos, Arias achou Lima perto da linha de fundo, o meia cruzou e Marcelo bateu forte, mas a bola foi desviada e não chegou ao alvo. Aos 13, Guga levantou na área e Cano, de cabeça, mandou perto do gol. Aos 27, o lateral realizou novo cruzamento e, dessa vez, Ganso cabeceou para o fundo da rede, colocando o Fluminense novamente à frente no placar. Aos 39, Lima mandou uma bomba de longe e a bola saiu pela linha de fundo. O Tricolor ainda teve chance de ampliar nos acréscimos com Renato Augusto em cobrança de falta, mas a bola ficou na barreira.

FICHA TÉCNICA

Fluminense 2 x 1 Cerro Porteño

Conmebol Libertadores – 5ª rodada

16/05/2024, 19h – Maracanã

Gols: Marcelo (13´ 1T) e Ganso (27´ 2T) (FLU); Wílder Viera (18´1T) (CCP)
Cartões amarelos: Martinelli (FLU); Javier Báez, Ronaldo de Jesús e Piris da Motta (CCP)

Cartão vermelho: Javier Báez (CCP)
Arbitragem: Darío Herrera auxiliado por Cristián Navarro e Maximiliano del Yesso.

Fluminense: Fábio; Guga (Renato Augusto), Antonio Carlos, Martinelli e Marcelo; Alexsander, Lima, P.H. Ganso (Felipe Andrade); Jhon Arias, Keno (Isaac), Germán Cano (John Kennedy). Técnico: Fernando Diniz

Cerro Porteño: Jean; Alan Benitez, Javier Baez, Eduardo Brock e Santiago Arzamendia; Robert Piris Da Motta, Carrascal (Morel) e Wilder Viera (Gabriel Aguayo); Cecilio Domínguez (Ronaldo de Jesús), Juan Manuel Iturbe (Carrizo) e Diego Churín (Portillo). Técnico: Manolo Jiménez

Fonte: Esportes